Relacionamentos e Sexualidade
Comentários 2

Infecção urinária – Considerações sobre a maldita.

A foto que abre essa matéria é meramente ilustrativa. Não se mate. Sossega Carla, o amor é isso que você está vendo, hoje beija, amanhã não beija, depois de amanhã é domingo e segunda feira ninguém sabe o que será.

Como a cândida, infecção urinária é uma coisa que infelizmente mais hora menos hora toda mulher vai ter o desprazer de ter. A infecção urinária se caracteriza por uma vontade de fazer xixi toda hora, ainda que quando você sente na privada saiam apenas umas gotinhas, ardendo como o diabo. A gente fica irritada, nervosa, sem conseguir fazer nada direito, com vontade de matar.

tumblr_olzhpeVqfo1qzumw8o1_500.gif

Vejo a saúde íntima feminina como um reflexo de seu estado emocional. A infecção urinária ataca quando nossa imunidade está baixa, quando estamos tristes, ou cansadas, trabalhando demais, dormindo pouco, comendo mal.

Ela pode ser decorrente também de longas sessões de sexo, sexo feito com bexiga cheia ou falta de xixi após as relações sexuais para limpar os canais urinários. por ser uma infecção bacteriana, ela pode acontecer também quando seu ou sua companheira te chupa estando gripado ou gripada.

tumblr_oajebwmRmf1qagn9ao1_1280

Quem já teve sabe que, tratada a tempo, a infecção urinária não causa muitos riscos à saúde. o problema é que nessa medicina alopática estúpida que a gente é submetido, na maioria das vezes que uma mulher toma antibiótico pra curar uma infecção urinária, o antibiótico altera toda a flora bacteriana (natural, de proteção) da vagina, o que muito correntemente acarreta no aparecimento da cândida no final do tratamento. Ou seja, é resolver um problema pra ganhar outro.

É por isso, também, que eu ODEIO tomar antibiótico quando tenho infecção urinária. Existem alguns métodos naturais* que conseguem abrandar ou eliminar com sucesso os sintomas da infecção urinária. O problema é que 1) esses métodos naturais não recebem incentivo em pesquisa e divulgação 2) dependendo do quadro, eles podem funcionar… ou não.

Métodos naturais* que eu uso para tratar infecção urinária: chá de algodão, chá de camomila (os dois são bons para banho de assento, que também pode ser feito com umas gotinhas de própolis), 3 gotinhas de óleo essencial de tea tree na calcinha ou ingerido pela língua. Muuuuita água pra limpar os canais, água morna com limão de manhã para aumentar a imunidade.

tumblr_nibfgxY6uC1rj6lpxo1_400.gif

Depois do carnaval, sexta feira acordei extremamente indisposta, sentindo os sintomas de infecção. Tentei óleos essenciais, chás, etc, que até aliviaram os sintomas, mas não foram capazes de curar. O tempo foi passando e ontem, segunda feira, eu não estava conseguindo andar, de tanta dor. Foi uma das dores mais fortes que já senti na vida. no hospital, depois de exames, recebi a notícia que a infecção estava subindo para os rins, e por isso a dor absurda.

Uma infecção urinária não tratada pode subir pros rins, afetando para sempre o funcionamento desses órgãos, isso sem falar na dor in-su-por-tá-vel. tenho inclusive uma amiga que já passou uma semana no CTI por infecção urinária, que assintomática a princípio, subiu para os pulmões!

tumblr_od282c3xIm1qinh1vo1_1280

Hoje já estou medicada, tomando antibiótico como um mal necessário. por ter um plano de saúde (pago por meus pais) fui atendida rapidamente no Hospital Madre Tereza, fiz tomografia e tudo o mais. enquanto esperava pra ser atendida, pensava nas mulheres que não têm plano de saúde, na carência de ginecologistas nos postos de saúde e no absurdo que cobram ginecologistas por uma sessão particular (de 200 a 400 reais, pra quem não sabe!)

Com o salário que eu ganho, eu não sou capaz de pagar um plano de saúde. no futuro, quando meus pais não tiverem mais condição ou paciência pra me ajudarem nisso, eu também não terei acesso a Unimed, e pelo andar da carruagem dificilmente terei condições de pagar planos de saúde para os meus filhos.

A questão da saúde pública é uma questão de TODAS nós. Uma coisa pequena, como uma infecção urinária, pode ter desdobramentos seríssimos. precisamos cobrar a existência de atendimento ginecológico no SUS, assim como a pesquisa e divulgação de métodos e tratamentos menos abusivos que os (caros) antibióticos.

E você? Como trata a infecção urinária quando ela vem? Tem alguma experiência marcante com a maledita? Escreve nos comentários pra nóis! Para acompanhar todos os posts do Clitóris Livre, curta a gente no Facebook, é só clicar aqui. 

Anúncios

2 comentários

  1. YARA PRADO diz

    Tudo verdade!!!!
    E depois da menopausa, a coisa piora, porque sem hormônios, a vagina e a uretra ficam menos lubrificadas, com menos elasticidade e aí pode ter machucado, dor, infecção, etc.

    Curtir

  2. Tratamento para infecção urinária que nenhum médico conta: 4 gramas de vitamina C por dia. Basta tomar 4 comprimidos de 1g espaçados durante o dia que no fim de segundo dia os sintomas já se foram. E é só continuar tomando até curar. Vitamina C é um excelente anti-inflamatório.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s